01/01/2016

Análise de custos 2015

Percorridos em 2015 com o Corolla foram cerca de 9300km.

Despesas:
  • Revisões: 71,04€
  • IPO: 30,54€
  • IUC: 55,31€
  • Seguro: 144,76€
  • Alinhamento de direcção: 20,00€
  • Revisão ao sistema de GPL: 25,00€
  • Peças substituídas: 344,86€
  • Combustível (GPL e gasolina): 472,05€ (dos quais 67,03€ em gasolina)
Total da despesa: 1163,56€ (0,12€/km)

Este ano calhou ao Corolla ser o veículo a ter a distância percorrida superior. Percorreu, ainda assim, menos quilómetros que no ano de 2014, tendo essa redução da distância percorrida levado a uma subida do valor da despesa por quilómetro (mais 0,03€/km do que o ano passado) o que impossibilitou a diluição do valor das intervenções extraordinárias (em particular, a colocação dos amortecedores e da bateria).
A despesa em combustível seria 76% superior se tivesse circulado exclusivamente a gasolina (chegando o valor aos 814,17€) o que é um valor bastante expressivo da poupança que se pode obter optando por este combustível alternativo, no ano em que a poupança em combustível superou o valor pago pelo sistema instalado.


Percorridos em 2015 com a PCX foram 8500km.

Despesas:
  • Revisões: 91,45€
  • IUC: 5,49€
  • Seguro: 98,63€
  • Lavagens: 2,00€
  • Combustível: 256,52€
Total da despesa: 459,58€ (0,05€/km)

Para além de ser o veículo mais económico dos três listados, este ano a PCX não teve nenhuma intervenção mais dispendiosa de manutenção (apenas duas mudas de óleo), nem qualquer tipo de despesa extra, ficando com um valor recorde no que toca à despesa por quilómetro.
Mesmo com uma redução para cerca de dois terços da distância do ano anterior, a PCX ainda ficou em segundo na distância percorrida este ano.


Percorridos em 2015 com a CBF foram cerca de 7200km.

Despesas:
  • Revisões: 61,90€
  • IUC: 56,40€
  • Seguro: 104,23€
  • Lubrificação da corrente: 14,00€
  • Peças substituídas: 58,79€
  • Pneus (furo): 14,76€
  • Lavagens: 2,50€
  • Combustível: 509,53€
Total da despesa: 808,11€ (0,11€/km)

Ao contrário do ano passado, não houve aquisição de equipamento e a distância percorrida no período de férias foi bastante menor, o que levou a uma descida considerável na despesa total. O valor da despesa por quilómetro é, no entanto, marginalmente inferior à do automóvel (mesmo estando este a GPL).
Enviar um comentário